O mediador de museus e centros de ciência: uma análise da produção dos encontros nacionais de pesquisa em educação em ciências (2011-2019)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35819/tear.v11.n1.a5527

Resumo

Resumo: Apesar da importância e complexidade da sua função, os mediadores de museus e centros de ciência têm sido pouco investigados pela literatura da área. Desse modo, a presente pesquisa objetiva mapear e elaborar uma descrição do perfil dos mediadores de museus e centros de ciência apresentado nos trabalhos publicados nos Encontros Nacionais de Pesquisas em Educação em Ciências (ENPECs), no período de 2011 a 2019.  Trata-se de uma pesquisa qualitativa de caráter bibliográfico. Para a coleta e análise dos dados foram utilizados os pressupostos da análise de conteúdo. Os resultados apontam para um perfil diversificado, mas com tendências em relação à caracterização, atuação e formação dos mediadores. Verificou-se que os mediadores são, em sua maioria, alunos de graduação e atuantes em instituições localizadas na região sudeste do país. A atuação desses profissionais é marcada por elementos da educação formal e sua capacitação para trabalhar nesses espaços se desenvolve na prática e com o apoio de mediadores mais experientes. 

Palavras-chave: Mediadores. Museu de ciência. ENPEC.

Biografia do Autor

Tamires Cristina de Souza, Instituto Federal de São Paulo

Possui mestrado em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), especialização em Educação: Ciência, Tecnologia e Sociedade pelo Instituto Federal de São Paulo (IFSP) e graduação em Licenciatura em Ciências Exatas com habilitação em Química (2013-2016) pela Universidade de São Paulo (USP). Atua nas temáticas: formação de professores e educação não-formal. Tem experiência docente no Ensino Fundamental e Ensino Médio.

Matheus de Sousa Sato, Instituto Federal de São Paulo

Possui Bacharelado em Química (2008), Licenciatura em Ciências Exatas com habilitação em Química (2013) e mestrado em Ciências com desenvolvimento da pesquisa:A aula de laboratório no ensino superior de química (2011), todos pela Universidade de São Paulo . Atualmente professor de ensino básico, técnico e tecnológico no Instituto Federal de São Paulo - campus São Carlos. Atuando principalmente nos seguintes temas: teoria sociocultural de Vygotsky, teoria do ensino desenvolvimental de Davydov, tripleto químico e representações do Ensino de Ciências/Química.

Downloads

Publicado

2022-06-30

Como Citar

DE SOUZA, T. C.; DE SOUSA SATO, M. . O mediador de museus e centros de ciência: uma análise da produção dos encontros nacionais de pesquisa em educação em ciências (2011-2019). #Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia, Canoas, v. 11, n. 1, 2022. DOI: 10.35819/tear.v11.n1.a5527. Disponível em: https://periodicos.ifrs.edu.br/index.php/tear/article/view/5527. Acesso em: 4 dez. 2022.