CHAMADAS DE TRABALHOS

Volume 9, número 2 (2020)

Dossiê: Estudos Indígenas e Educação

Organizadoras: Profa. Dra. Danielle Bastos Lopes (UERJ) e Profa. Dra. María Cecilia Zsögön (UBA)

Os estudos ameríndios e os diferentes níveis e modalidades de ensino, como educação básica, educação superior, educação bilíngue, universidades interculturais, licenciaturas diferenciadas, entre outras formas do campo da Educação Indígena, têm ganhado expressão, nas últimas décadas, nas Américas Latina e Caribenha. Novas possibilidades de vida, política e currículos ampliam os debates sobre espaços não formais de ensino, sob os quais distintos sistemas de pensamento e normas de inteligibilidades se apresentam. Este dossiê tem o objetivo, nesse sentido, de reafirmar o compromisso com os estudos das diferentes concepções de educação e culturas indígenas, investigando o ensino intercultural e suas configurações políticas, a fim de explorar novas possibilidades de estudos. A chamada abrange trabalhos resultantes de pesquisas teóricas e/ou empíricas, cujas temáticas focalizam contextos educativos formais e não formais de ensino, abrangendo os temas da educação básica, educação superior, atuação em universidades populares e interculturais indígenas, concepções de infância, de juventude e seus processos de aprendizagem. Busca-se, assim, articular pesquisas vividas não só no contexto brasileiro como em outros países da América Ameríndia. Artigos científicos inéditos que contemplem um ou mais dos referidos temas serão bem-vindos à #Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia.

Prazo final para submissão: 31 de agosto de 2020 

Previsão de publicação: dezembro de 2020