A materialidade da prática educativa e as motivações do professor para a docência no ensino superior

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35819/tear.v10.n2.a5360

Resumo

Resumo: Este texto é parte dos estudos teóricos e síntese analítica de uma tese doutoral, e objetiva o desenvolvimento de discussões sobre a prática educativa e as motivações do professor para a docência no ensino superior. Para o processo de produção e análise dos dados fez-se uso de dois dispositivos distintos e interligados epistemologicamente, intitulados de sessões de reflexão crítica e unidades analíticas do concreto real. O estudo ressalta que a docência do ensino superior é um tipo de prática educativa e sua materialidade, de forma ampla, é orientada pela tríade ensino, pesquisa e extensão. Sobre as motivações dos professores investigados para a docência, constatou-se que elas estavam relacionadas às afetações familiares, ao envolvimento com movimentos sociais, à intervenção de ex-professores e à possibilidade de poder colaborar com o desenvolvimento da educação básica. No que se refere ao ingresso no ensino superior, os professores significaram que suas motivações foram produzidas com base em seus anseios de poder contribuir com a qualidade da educação e da formação dos futuros professores da educação básica, além das possibilidades de produzir conhecimento científico na universidade. Os resultados da síntese analítica apresentados nesta discussão sugerem novos estudos, a fim de que se compreendam as particularidades das relações pessoais, profissionais e institucionais do professor do ensino superior, bem como a sua representação na manifestação do desenvolvimento profissional docente.

Palavras-chave: Prática educativa. Docência no ensino superior. Narrativa docente.

Biografia do Autor

Francisco Antonio Machado Araujo, Universidade Federal do Delta do Parnaíba

Doutor em Educação (UFPI), Mestre em Educação (UFPI), Licenciado em História (UESPI). Graduado em Pedagogia (ISEPRO), Especialista em História das Culturas Afro-Brasileiras (FTC). Professor Adjunto do Departamento de Ciências Sociais e Educação - UFDPar. Pesquisador do Núcleo de Estudos e Pesquisas Histórico-Críticas em Educação e Formação Humana a - NEPSH. Desenvolve pesquisas com os seguintes temas: Processos constitutivos da (trans) formação humana pela mediação da educação. Processos constitutivos da identidade do educador. Processos de produção de significados e sentidos da profissão docente, notadamente da formação e da atividade docente. Desenvolvimento profissional do educador, tendo como fundamentação teórico-metodológica o Materialismo Histórico Dialético, Pedagogia Histórico Crítica e a Psicologia Histórico-Cultural. Lattes: http://lattes.cnpq.br/7901115696539402. Parnaíba - Piauí- Brasil, E-mail: chiquinhophb@gmail.com.

Maria Vilani Cosme de Carvalho, Universidade Federal do Piauí

Maria Vilani Cosme de Carvalho. Tem pós-doutorado (2011), doutorado (2004) e mestrado (1997) em Educação, com área de concentração em Psicologia da Educação, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. É professora-pesquisadora da Universidade Federal do Piauí, na categoria associado, lotada no Departamento de Fundamentos da Educação e no Programa de Pós-Graduação em Educação no Centro de Ciências da Educação, atuando na área e campo da Educação, em especial com a Psicologia da Educação, ministrando disciplinas e orientando Trabalhos de Conclusão de Curso, Iniciação Científica, Dissertações e Teses.Tem estudado e publicado sobre temáticas relativas à linha de pesquisa Formação Humana e Processos Educativos, como: Processos constitutivos da (trans)formação humana pela mediação da educação. Processos constitutivos da identidade do educador. Processos de produção de significados e sentidos da profissão docente, notadamente da formação e da atividade docente. Desenvolvimento profissional do educador, tendo como fundamentação teórico-metodológica o Materialismo Histórico-Dialético a Pedagogia Histórico-Crítica e a Psicologia Histórico-Cultural. Líder do grupo de pesquisa "Núcleo de Estudos e Pesquisas Histórico-Críticas em Educação e Formação Humana" (NEPSH).

Downloads

Publicado

2021-12-10

Como Citar

MACHADO ARAUJO, F. A.; COSME DE CARVALHO, M. V. A materialidade da prática educativa e as motivações do professor para a docência no ensino superior. #Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia, Canoas, v. 10, n. 2, 2021. DOI: 10.35819/tear.v10.n2.a5360. Disponível em: https://periodicos.ifrs.edu.br/index.php/tear/article/view/5360. Acesso em: 2 out. 2022.