Ensinando polinômios através da ludicidade

Autores

  • Andressa Santos Vogel Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), Campus Bento Gonçalves, RS
  • Natacha Subtil Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), Campus Bento Gonçalves, RS
  • Mévelin Maus Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), Campus Bento Gonçalves, RS
  • Marlete Basso Roman Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Maria Margarida Zambon Benini, Bento Gonçalves, RS
  • Sandra Denise Stroschein Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), Campus Bento Gonçalves, RS

DOI:

https://doi.org/10.35819/remat2015v1i2id1257

Palavras-chave:

Matemática, Ensino Fundamental, Álgebra, Jogo

Resumo

O presente artigo trata-se de um relato de uma atividade desenvolvida em sala de aula, chamada jogo do alvo, com as turmas de 7º e 8º anos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Maria Margarida Zambon Benini. A oficina foi conduzida pelas bolsistas do Projeto PIBID (Subprojeto Matemática) IFRS – Campus Bento Gonçalves e realizada no turno da manhã, durante as aulas de Matemática. O jogo trabalhado proporcionou um contato inicial com a álgebra, fazendo com que os alunos relacionassem números com a parte literal (letras) e soubessem como identificá-las. Os alunos deveriam jogar feijões no alvo e após representar a cor acertada por cada um deles com uma letra. Ao final do jogo, os alunos somaram os resultados de todas as jogadas, resultando em um único monômio/polinômio. A atividade e a utilização de materiais diversificados proporcionam uma aprendizagem mais interativa e espontânea, facilitando assim o melhor desempenho dos alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: Matemática. Brasília: MEC/SEF, 1997.

GUIRADO, João Cesar. Jogos: um recurso divertido de ensinar e aprender Matemática na Educação Básica. Maringá: Elograf, 2010.

MOREIRA, Marco Antonio. Aprendizagem significativa: um conceito subjacente. Meaningful Learning Review. Porto Alegre, v. 1, n. 3, p. 25-46, 2011.

OLIVEIRA, Carlos Alberto Jesus de. Álgebra dos vitrôs. Brasília, 2009. Disponível em: http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=3684. Acesso em: 22 dez. 2015.

SANTOS, Genilson Ferreira dos. Os jogos como método facilitador no ensino de matemática. Monografia (Licenciatura em Matemática), Universidade Estadual de Goiás, Jussara, 2009. Disponível em: http://www.cdn.ueg.br/arquivos/jussara/conteudoN/1209/Genilson__PDF_2.pdf. Acesso em: 03 dez. 2014.

Downloads

Publicado

2016-01-05

Como Citar

VOGEL, A. S.; SUBTIL, N.; MAUS, M.; ROMAN, M. B.; STROSCHEIN, S. D. Ensinando polinômios através da ludicidade. REMAT: Revista Eletrônica da Matemática, Bento Gonçalves, RS, v. 1, n. 2, p. 158–164, 2016. DOI: 10.35819/remat2015v1i2id1257. Disponível em: https://periodicos.ifrs.edu.br/index.php/REMAT/article/view/1257. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Relatos de Experiência