Compreensões de professores sobre as necessidades dos estudantes e os conceitos matemáticos na Educação de Jovens e Adultos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35819/tear.v13.n1.a7057

Resumo

Resumo: Este texto apresenta resultados da análise, feita a partir da Atividade Orientadora de Ensino, sobre como professores consideram as necessidades e os conceitos matemáticos durante a elaboração de uma situação desencadeadora de aprendizagem para os estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Para tanto, em 2022, foi organizado um espaço formativo denominado Oficina Pedagógica de Matemática (OPM) em uma escola municipal de Piraquara (PR) que atende aos anos iniciais do ensino fundamental da EJA. Quatro professoras participaram das ações formativas, realizadas durante 40 encontros. A análise foi organizada em dois episódios que contemplam o processo de elaboração da situação desencadeadora de aprendizagem de uma dupla de professoras. Evidenciou-se que, inicialmente, as ações de ensino organizadas não se relacionavam com os sujeitos em aprendizagem nem consideravam suas necessidades. Foram identificadas fragilidades em relação aos aspectos conceituais, o que evidenciou a necessidade de mais estudos sobre o movimento histórico e lógico dos conceitos. A mediação realizada durante a formação foi importante para que as professoras pudessem reorientar suas ações e pensar sobre a necessidade dos estudantes. Apesar de terem sido realizadas discussões sobre os conceitos matemáticos, estas não foram suficientes para explorar de forma aprofundada as noções de unidades de medida na situação desencadeadora conforme os princípios da Atividade Orientadora de Ensino. Ainda assim, os momentos formativos ocasionaram mudanças no modo de compreender a organização das ações de ensino voltadas a desencadear a aprendizagem dos conceitos matemáticos dos estudantes da EJA.

Palavras-chave: Educação de Jovens e Adultos. Atividade Orientadora de Ensino. Necessidade da atividade. Conceitos matemáticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andreia Guimarães Jez, UTFPR

 Mestranda em Ensino de Ciências e Matemática pelo Programa de Pós-Graduação em Formação Científica, Educacional e Tecnológica (PPGFCET/UTFPR). Especialista em Metodologia do Ensino de Língua Portuguesa e Estrangeira pelo Centro

Vanessa de Fatima Custódio Dambros de Carlos, UTFPR

Doutoranda em Ensino de Ciências e Matemática pelo Programa de Pós-Graduação em Formação Científica, Educacional e Tecnológica (PPGFCET/UTFPR). Mestre em Educação pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC). Professora na rede estadual de ensino de Santa Catarina.

Natalia Mota Oliveira , UTFPR

 Mestranda em Ensino de Ciências e Matemática pelo Programa de Pós-Graduação em Formação Científica, Educacional e Tecnológica (PPGFCET/UTFPR). Especialista em Avaliação no Contexto Escolar pela Faculdade UNINA. Professora na rede privada de ensino na cidade de Curitiba/PR.

Maria Lucia Panossian , UTFPR

 Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo. Atua como professora no Departamento de Matemática da Universidade Tecnológica Federal do Paraná e no Programa de Pós-Graduação em Formação Científica, Educacional e Tecnológica (PPGFCET/UTFPR).

Downloads

Publicado

2024-07-09

Como Citar

GUIMARÃES JEZ, A.; CUSTÓDIO DAMBROS DE CARLOS, V. de F.; MOTA OLIVEIRA , N.; PANOSSIAN , M. L. Compreensões de professores sobre as necessidades dos estudantes e os conceitos matemáticos na Educação de Jovens e Adultos. #Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia, Canoas, v. 13, n. 1, 2024. DOI: 10.35819/tear.v13.n1.a7057. Disponível em: https://periodicos.ifrs.edu.br/index.php/tear/article/view/7057. Acesso em: 14 jul. 2024.