Empreendedorismo e o novo ensino médio: a atuação da ONG Junior Achievement na rede estadual de educação do Rio de Janeiro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35819/tear.v11.n2.a6278

Resumo

O presente artigo teve o objetivo de analisar a forma como o setor empresarial atua para difundir o empreendedorismo entre os estudantes do Ensino Médio da rede estadual de educação do Rio de Janeiro. Para tal intento, privilegia as ações desenvolvidas pela ONG “Junior Achievement, financiada por um grupo de empresários e que, desde 2014, desenvolve o “Projeto Trilha Empreendedora”, que prevê a aplicação de uma sequência de programas sobre empreendedorismo no currículo do Ensino Médio da referida rede de ensino. A questão norteadora do estudo foi: considerando as condições objetivas de produção/reprodução da existência dos jovens fluminenses, agravadas no atual contexto político e socioeconômico, quais as finalidades do estímulo ao empreendedorismo aos estudantes do Ensino Médio da Rede Estadual de Educação do Rio de Janeiro? Trata-se de pesquisa bibliográfica e qualitativa, fundamentada no método do materialismo histórico e dialético, que teve como corpus de análise os informativos do “Projeto Trilha Empreendedora” disponibilizados no sítio eletrônico da referida ONG. Os resultados indicam que a ideologia do empreendedorismo, além de conformar os jovens para as novas relações flexíveis de trabalho, contribui para abrandar os antagonismos de classes, induzindo o trabalhador a acreditar ter maior autonomia para gerenciar seu tempo de lazer e de trabalho. Ao incentivar os jovens a uma atitude proativa na resolução dos problemas, individual ou das comunidades, o empreendedorismo social é um novo meio de gerir a pobreza, o que contribui para manter a coesão social e a governabilidade. 

Palavras-chave: Empreendedorismo. Privatização. Reforma do Ensino Médio.

Biografia do Autor

Barbara Bueno de Castro Silva, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Professora de Geografia da Rede Municipal de Araruama. Mestre em Políticas Públicas e Formação Humana pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro e possui especialização em Educação, Trabalho e Cultura Profissional pela Universidade Federal Fluminense.

Carlos Soares Barbosa , Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Doutor em Políticas Públicas e Formação Humana; Professor Adjunto da Faculdade de Educação/UERJ e Professor do Programa de Pós-Graduação em Educação: processos formativos e desigualdades sociais (FFP-UERJ)  e do Professor do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Formação Humana (PPFH-UERJ)

Downloads

Publicado

2022-12-07

Como Citar

BUENO DE CASTRO SILVA, B.; SOARES BARBOSA , C. Empreendedorismo e o novo ensino médio: a atuação da ONG Junior Achievement na rede estadual de educação do Rio de Janeiro. #Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia, Canoas, v. 11, n. 2, 2022. DOI: 10.35819/tear.v11.n2.a6278. Disponível em: https://periodicos.ifrs.edu.br/index.php/tear/article/view/6278. Acesso em: 31 jan. 2023.