A musicalização e o desenvolvimento cognitivo de crianças a partir das inteligências múltiplas

Autores

  • Rosângela Agnolon Rede Municipal de Ensino de Jundiaí
  • Demerval Rogério Masotti FATEC Jundiaí - Centro Paula Souza

DOI:

https://doi.org/10.35819/tear.v5.n1.a1967

Resumo

Resumo: Desde os primórdios da civilização, a música está presente na vida dos indivíduos, provocando diferentes emoções, integrando pessoas, retratando épocas e culturas. É uma forma de sabedoria humana que, por meio do lúdico, possibilita preparar as crianças para a vida adulta. A música na educação infantil se refere à musicalização, tornando-se seu ensino obrigatório perante normas da Lei de Diretrizes e Bases (LDB). A escola não tem o propósito de formar músicos, todavia busca propiciar às crianças a vivência e a compreensão da linguagem musical e com isso viabilizar a abertura de canais sensoriais que facilitam a expressão de emoções, bem como ampliação cultural. O propósito do presente estudo é verificar se o trabalho com a musicalização na educação infantil contribui com o desenvolvimento cognitivo das crianças e o favorecimento de outras variáveis, como: interdisciplinaridade, atenção, percepção e evolução integral das crianças. Essa pesquisa atingiu seus objetivos, pois possibilitou identificar que a musicalização infantil se relaciona diretamente com o desenvolvimento cognitivo dos alunos por dizer respeito à inteligência musical que compõe as inteligências múltiplas das pessoas. As outras variáveis avaliadas também demonstraram que são favorecidas pelo trabalho com música. Os dados deste estudo podem auxiliar os membros do ambiente acadêmico e os demais participantes da sociedade, para que possam compreender determinados aspectos básicos pertinentes aos conceitos do trabalho com musicalização que ocorre nas escolas. Porém, sugere-se que sejam realizados outros estudos baseados em metodologias que contemplam pesquisas de campo, para ampliar a compreensão do tema que se revela muito abrangente.

Palavras-chave: Educação Infantil. Musicalização. Inteligência Musical. Inteligências Múltiplas. Desenvolvimento Cognitivo.

 

THE MUSICALIZATION AND COGNITIVE DEVELOPMENT OF CHILDREN BASED ON THE MULTIPLE INTELLIGENCES

Abstract: Since the beginning of civilization, the music is present in individuals’ lives, provoking different emotions, integrating people, depicting ages and cultures. It is a form of human wisdom that, by ludic means, making it possible to prepare children to adulthood. The music in childhood education refers to the musicalization, making its teaching obligatory by the norms of the Lei de Diretrizes e Bases (LDB). Although the school does not have the purpose of training musicians, it seeks to provide for children the experiencing and comprehension of musical language, therefore, allowing the opening of sensorial channels which facilitate expressing emotions as well as cultural amplification. The purpose of the current study is verifying whether applying musicalization in childhood education contributed to children’s cognitive development and favored other variables as interdisciplinary skills, attention, perception and their integral evolution. This research accomplished its objectives, since it allowed identifying the direct contribution of childhood musicalization in students’ cognitive growing by addressing the musical intelligence, one of the multiple intelligences. The other analyzed variables demonstrated that they are also favored by musical work. This study’s data may aid the members of academic environment and society in order to better comprehend certain basic aspects relevant to the concepts of musical work at schools. However, it is recommended to perform further studies based on methodologies contemplating field researches to amplify the comprehension of a subject that reveals an embracing itself.

Keywords: Childhood Education. Musicalization. Musical Intelligence. Multiple Intelligences. Cognitive Development.

 

Downloads

Publicado

2016-07-16