Jogo educacional digital: Alfabetização na sala de recursos multifuncionais

Autores

  • Regina da Silva Lima Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul http://orcid.org/0000-0002-9662-5018
  • Márcia Hafele Islabão Franco Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul
  • Silvia de Castro Bertagnolli Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.35819/tear.v7.n1.a2766

Resumo

Resumo: O presente artigo descreve o desenvolvimento de um protótipo de jogo educacional digital baseado nos níveis da Psicogênese da Língua Escrita, com o intuito de favorecer a progressão da aprendizagem dos alunos do 3º e 4º ano do Ensino Fundamental, de uma escola da rede municipal de Canoas-RS, atendidos em uma Sala de Recursos Multifuncionais. Esta proposta tem como objetivo verificar se um jogo digital pode contribuir para o desenvolvimento da aprendizagem de alunos em processo de alfabetização. Além disso, espera-se contribuir para a elaboração de um plano pedagógico adequado à nova realidade escolar, baseado na aprendizagem digital.

Palavras-chave: Alfabetização. Psicogênese. Jogo Educacional Digital.

 

 

DIGITAL EDUCATIONAL GAME: LITERACY IN THE MULTIFUNCTIONAL RESOURCES ROOM

 

Abstract: This present article describes the development of a prototype of a digital educational game based on the psychogenesis levels of the written language in order to favor the progression of the learning of the students of the 3rd and 4th year of elementary school, of a school in the municipal network of Canoas -RS, serviced in a Multifunctional Resource Room. This proposal aims to verify if a digital game can contribute to the development of learning of students in the process of literacy. In addition, it is hoped to contribute to the elaboration of a pedagogical plan adapted to the new school reality, based on digital learning.

Keywords: Literacy. Psychogenesis. Digital Educational Game.

Biografia do Autor

Regina da Silva Lima, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Licenciada em Pedagogia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS (2010); especialização em Mídias na Educação pela UFRGS (2015); discente no curso de Mestrado Profissional em Informática na Educação pelo IFRS/POA. Atualmente, professora dos anos iniciais na Prefeitura de Canoas.

Márcia Hafele Islabão Franco, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Católica de Pelotas (UCPel 2001), mestre em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE 2004) e doutora em Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS 2008). Atualmente é professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Porto Alegre.

Silvia de Castro Bertagnolli, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Possui graduação em Informática Bacharelado pela Universidade Federal de Santa Maria (1997), mestrado em Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2000) e doutorado em Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004). Atualmente, é professora do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS), no campus Porto Alegre.

Downloads

Publicado

2018-07-03

Edição

Seção

Espaço Plural