Relato de experiência no PIBID: estudo das plantas angiospermas em escola pública no município de Porto Alegre

  • Aline Grunewald Nichele Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Porto Alegre
  • Letícia Prá Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Campus Porto Alegre
  • Raquel Beatriz Callegari Pacheco Escola Municipal João Belchior Marques Goulart
Palavras-chave: Ensino de Ciências, Viveiro, Angiospermas.

Resumo

Por meio de atividades desenvolvidas no âmbito do “Subprojeto Licenciatura em Ciências da Natureza: Biologia e Química” do PIBID do IFRS, foram realizadas atividades envolvendo o estudo sobre plantas angiospermas. As atividades foram desenvolvidas com estudantes das séries finais do ensino fundamental de uma escola municipal, que participavam do Laboratório de Inteligência do Ambiente Urbano (LIAU). O interesse pelo tema ‘angiospermas’ surgiu com a necessidade dos estudantes em identificar e caracterizar as ervas, temperos e hortaliças cultivadas no viveiro da própria escola. O desenvolvimento do projeto criou um ambiente de debate entre os estudantes do LIAU e os bolsistas do PIBID acerca do conceito de angiospermas, características morfológicas, diferenças entre estas e outras plantas, espécies encontradas no viveiro, entre outros tópicos. Além disso, o estudo das angiospermas promoveu, com a mediação da professora supervisora e dos bolsistas do PIBID, a elaboração de cartazes explicativos e glossários pelos estudantes.

Biografia do Autor

Aline Grunewald Nichele, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Porto Alegre
Doutora em Educação. Docente de Química no IFRS - Campus Porto Alegre. Coordenadora de Área do PIBID
Letícia Prá, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Campus Porto Alegre
Estudante do curso superior de Licenciatura em Ciências da Natureza: Biologia e Química no IFRS – Campus Porto Alegre. Bolsista do PIBID.
Raquel Beatriz Callegari Pacheco, Escola Municipal João Belchior Marques Goulart
Licenciada em Ciências Físicas e Biológicas. Supervisora do PIBID e Professora Escola Municipal João Belchior Marques Goulart.

Referências

BRASIL. Ministério da Educação. Fundação CAPES. Brasília, DF: Senado, 2008. Disponível em: <http://www.capes.gov.br/educacao-basica/capespibid/pibid>. Acesso em 20 agosto 2018.

BRASIL. Ministério da Educação. Ampliação da jornada escolar terá R$ 130 milhões. Brasília, DF: Senado, 2008. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/component/tags/tag/33182>. Acesso em 20 agosto 2018.

BRASIL. Centro de Referências em Educação Integral. Em Porto Alegre, Laboratório de Inteligência do Ambiente Urbano (LIAU) reconhece saberes comunitários

<http://educacaointegral.org.br/experiencias/em-porto-alegre-projeto-de-educacao-ambiental-reconhece-saberes-comunitarios/>. Acesso em 14 agosto 2018.

SILVA, F.D. A. Espaços escolares, portfólios e avaliação. Revista do Professor, v.28, nº 109, p.8-11, 2012.

Publicado
2018-12-17
Seção
RELATOS DE EXPERIÊNCIAS