Sobre a Revista

Foco e Escopo

A Revista Viver IFRS, vinculada à Pró-reitoria de Extensão, tem como objetivo a divulgação de relatos de experiência de ações de extensão ou de ações indissociáveis entre extensão, ensino e pesquisa que apresentem, em destaque, a interação entre as instituições, os segmentos sociais e o mundo do trabalho, realizadas no âmbito dos Institutos Federais do estado do Rio Grande do Sul (IFRS, IFFar e IFSul) respeitando as diretrizes de publicação estabelecidas pela Comissão Editorial da revista.

Entende-se como comunidade de abrangência qualquer indivíduo ou organização externos à instituição de ensino como por exemplo, empresas, governo, ONGs, cooperativas, associações, movimentos sociais, comunidade em geral e demais organizações da sociedade civil. Os relatos devem apresentar de modo explícito a relação da instituição educacional com o ambiente externo demonstrando claramente os impactos gerados para o estudante e para a sociedade.

As edições destinam-se à divulgação de relatos de experiências inéditos, em língua portuguesa, de caráter teórico-prático, oriundos das atividades realizadas por servidores e estudantes dos institutos em programas, projetos, cursos, eventos e prestação de serviços, recomendadas pelas respectivas comissões de extensão, ensino, pesquisa e indissociáveis dos campi/reitoria.

Podem submeter para publicação na Revista Viver IFRS servidores e, em especial, estudantes - bolsistas e voluntários que tenham interesse na prática da escrita científica na modalidade de relato de experiência. 

O fluxo de submissão (recebimento) dos relatos de experiência é contínuo e a periodicidade da revista é anual. 

Processo de Avaliação pelos Pares

A pertinência para publicação será avaliada pelo Conselho Científico, quanto aos seguintes requisitos:

  1. Linha editorial da revista;
  2. Relevância institucional e social da ação;
  3. Clareza textual, objetividade e organização sequencial de ideias;
  4. Conformidade à metodologia de relato de experiência.

A avaliação poderá considerar o relato de experiência:

  1. Aprovado;
  2. Aprovado com revisões requeridas, que serão informadas ao autor para as adequações necessárias. 
  3. Recusado, nos casos de desacordo com a linha editorial da revista, de qualidade técnica julgada como insuficiente ou de plágio.

Os relatos de experiência aceitos serão publicados em formato PDF, sem restrições, no site da Revista da Pró-reitoria de Extensão Viver IFRS.

Não serão entregues certificados ao(s) autor(es) que tiverem seus trabalhos aprovados. A título de comprovação, cabe a impressão da primeira página do artigo.

O(s) autor(es) poderão acompanhar o fluxo editorial pelo sistema da Revista da Pró-reitoria de Extensão Viver IFRS. As decisões serão comunicadas pelo e-mail cadastrado pelo autor e disponibilizadas na sua ‘página do usuário’. É responsabilidade do autor manter seu cadastro atualizado. 

O prazo estimado para o processo de avaliação é de, pelo menos, seis meses.

O e-mail de contato do(s) autor(es), informado no cadastro da revista, é a única forma de contato a ser utilizada pela Revista Viver IFRS.

O contato com a Equipe Editorial deverá ser feito por meio do sistema ou pelo e-mail viverifrs@ifrs.edu.br.

Periodicidade

A periodicidade da revista Viver IFRS é anual, no formato eletrônico.

Eventualmente a Pró-reitoria de Extensão poderá disponibilizar versão impressa da revista (ISSN 2318-9665).

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Fonte de Apoio

Pró-reitoria de Extensão do IFRS