O protagonismo adolescente na abordagem da Educação em Saúde: um projeto de extensão do NEPGS/Campus Osório em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde

Autores

Palavras-chave:

Saúde, Gênero e Sexualidade, Protagonismo estudantil, Extensão

Resumo

O relato parte da experiência do Projeto de Extensão Saúde no IFRS Osório, desenvolvido em 2019 junto ao Ensino Médio, a partir da parceria entre NEPGS e Secretária Municipal de Saúde (SMS). O objetivo foi abordar saúde adolescente articulada às questões de gênero e sexualidade, tendo por perspectiva o bem-estar no campo mental, físico e social. Sustentou-se em textos sobre vulnerabilização e fragilização adolescente, e do poder libertador da educação para emancipação dos sujeitos. Adotou-se a metodologia da construção horizontal de saberes, privilegiando o protagonismo estudantil como agente ativo capaz de transformar sua realidade. As ações dividiram-se em três módulos, duas oficinas e uma palestra, abrangendo todas as 16 turmas do médio. Destaca-se como resultados do projeto a construção coletiva de conceitos, a partir de um processo de problematização de “verdades” e “certezas”; a presença de discentes nas unidades de saúde para diversas testagens; e a construção de sujeitos mais empáticos, preocupados com a saúde do outro e com relações sociais mais positivas. O projeto mostrou a importância de espaços que abordem saúde integral de jovens/adolescentes na escola, através de parcerias entre a educação e a saúde, mostrando que as áreas são corresponsáveis pela construção de cidadãs/ãos conscientes e questionadores.

Biografia do Autor

Jeandro da Silva Borba, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Atualmente é Agente Administrativo da Prefeitura Municipal de Osório, lotado na Secretaria de Saúde. Graduado em Gestão de Turismo (Estácio) e pós-graduado em MBA em Gestão Pública (UNIBR). Graduando em Administração Pública (UNIPAMPA/UAB), pós-graduando em Direito Administrativo (CERS) e pós-graduando em Gestão em Saúde (UFRGS). Membro externo do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Sexualidade (NEPGS) do IFRS Campus Osório e desenvolve projeto de extesão "Saúde no IFRS Osório" na mesma instituição em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, através do Programa de Saúde na Escola. Possui várias capacitações e aperfeiçoamentos com olhar voltado para a população LGBTI+, especialmente sobre Políticas Públicas de Saúde e atua na promoção de saúde e acolhimento na área de HIV/AIDS utilizando redes sociais.

FERREIRA, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul – IFRS - Campus/Osório

Doutoranda no Programa de Diversidade Cultural e Inclusão social na Universidade FEEVALE. Possui Mestrado em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande (2010). Especialização em Metodologia de Ensino pela UNINTER (2013). Graduação em Letras Português/ Espanhol pela Universidade Federal do Rio Grande (2007). Tem experiência na área de Letras, atuando principalmente nos seguintes temas: literatura brasileira, história da literatura, transculturação, heterogeneidade, identidade, poética narrativa, cânone literário, literatura de autoria feminina.  Atualmente, é professora de Língua Portuguesa e Língua Espanhola no Instituto Federal do Rio Grande do Sul - Campus Osório e membra do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Sexualidade (NEPGS). os estudos e pesquisas estão voltados para o campo das políticas públicas de ações afirmativas, investigando os núcleos de diversidade de gênero e sexualidade dos Institutos Federais da Rede do Rio Grande do Sul. 

BRASIL, Secretaria Municipal de Saúde de Osório

Possui graduação em Psicologia pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (1998) e mestrado em Psicologia Social e Institucional pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS (2003). Trabalhou como docente no Curso de Psicologia da Universidade Luterana do Brasil - Campus Torres, Canoas e Guaíba e coordenou o Serviço e Pesquisa em Psicologia Social Institucional e Comunitária (SEPCOM) da Universidade Luterana do Brasil - Campus Guaíba. Atualmente é psicóloga clínica no Serviço de Atendimento Especializado- SAE/CTA com vínculo de servidora pública junto à Secretaria Municipal da Saúde/Prefeitura Municipal de Osório. Nesta mesma secretaria atuou no Centro de Atenção Psicossocial/ CAPS - Núcleo da Infância e da Adolescência, Estratégia de Saúde da Família, serviço da Atenção Básica (AB) e como membro coordenador do Grupo Gestor Municipal do Programa de Saúde na Escola (PSE/Osório).A atuação profissional e a docência têm ênfase em Psicologia Social, Institucional e Comunitária, Psicologia da Saúde, Saúde Coletiva e Clínica Ampliada. O estudo e pesquisa estão voltados para o campo das intervenções psicossociais e institucionais, clínica ampliada, e sua interface com a arte e os modos éticos e estéticos de existência.

Downloads

Publicado

2021-06-22

Edição

Seção

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS