Silvicultura Urbana: Levantamento e caracterização da arborização em uma área central na cidade de Cáceres-MT

  • Cristman Taísse Félix dos Santos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso
  • Iuri Maicon Moreira de Oliveira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso
  • Leonardo Leite Fialho Júnior Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso
  • Otávio Miranda Verly Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso
  • Poliane Rodrigues Rosa Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso
  • Fernanda Miguel Franco Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso
  • Arthur Guilherme Schirmbeck Chaves Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso

Resumo

A arborização urbana desempenha papel fundamental na qualidade de vida da população. Nos últimos anos, houve um aumento significativo da preocupação com a preservação das áreas verdes nos centros urbanos. O presente estudo teve por objetivo a execução do levantamento qualiquantitativo da arborização de uma área do centro histórico da cidade de Cáceres-MT. O trabalho foi realizado em um trecho da Rua 13 de Junho que possui aproximadamente 850 metros de comprimento. Foram levantadas 17 espécies de árvores, arbustos e palmeiras; as quais se distribuíram em 13 famílias botânicas. A espécie Licania tomentosa representou aproximadamente 47% dos indivíduos; enquanto cerca de 12 espécies foram representadas por apenas um indivíduo, totalizando 24,49%. Em relação ao aspecto fitossanitário, copas com presença de lesão foi a característica de maior ocorrência (83,78%). Outros problemas encontrados foram troncos com presença de lesão (43,24%), lesão de casca (40,54%) e copa com presença de galhos secos (27,03%). Quanto ao nível de sombreamento a maioria das espécies apresentaram pouca sombra, ou sombra mediana. Ao analisar o porte, aproximadamente 55,10% dos indivíduos apresentam porte médio. O presente diagnóstico pode ser utilizado como um indicador de qualidade da arborização, podendo ser incorporado a programas municipais para melhoria dos espaços públicos.

Publicado
2019-06-28
Seção
Relatos de Experiência Profissional