Avaliação de algumas variáveis da água do Lago da Praça dos Açorianos, Porto Alegre, RS – estação da primavera

Alessandro Pinto Sória, Cibele Etcheverry Torres, Simone Caterina Kapusta

Resumo


O presente trabalho avaliou algumas variáveis físicas e químicas da água do Lago construído sob a Ponte de Pedra, na Praça dos Açorianos, Porto Alegre, RS. Para o estudo foram determinados 10 pontos amostrais no Lago, considerando a área e o formato do mesmo. Em cada ponto amostral, foram obtidos os valores de temperatura, condutividade, oxigênio dissolvido e saturado, pH e turbidez da água, com equipamentos portáteis, na primavera de 2014. De uma maneira geral, verificou-se que as variáveis físicas e químicas da água apresentaram homogeneidade de distribuição ao longo do lago, com exceção de dois pontos. Nestes pontos observaram-se valores mais baixos de oxigênio dissolvido e pH, e valores mais elevados de condutividade e turbidez. Provavelmente, esses resultados foram influenciados pela localização e características do local, tais como a baixa profundidade da coluna da água, menor movimentação de água, maior concentração de matéria orgânica e provável presença de cianobactérias.

Palavras-chave


Lagos urbanos artificiais; Lago da Praça dos Açorianos; Ponte de Pedra; variáveis da água.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Capa · Sobre · Pesquisa · Atual · Anteriores

ScientiaTec: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia do IFRS

Rua Cel. Vicente, 281 | Bairro Centro | CEP 90.030-041 | Porto Alegre/RS

E-mail: revista.scientiatec@poa.ifrs.edu.br 

 

Apoio: Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (PROPPI) do IFRS.