Perfil socioambiental dos usuários do Parque Moinhos de Vento, Porto Alegre, RS

Carmynie Barros e Xavier, Caroline Goulart, Felipe de Marchi, Sabrina Letícia Couto da Silva, Maria Cristina Caminha de Castilhos França

Resumo


As áreas verdes e os parques públicos têm a função de proporcionar o lazer e a integração com a natureza para a sociedade. Dada a importância dos parques, aqui em especial o Parque Moinhos de Vento (PMV), o trabalho objetivou elaborar um diagnóstico acerca das percepções socioambientais dos usuários do parque. Foram realizadas entrevistas com usuários e trabalhadores do PMV entre os meses de setembro de 2013 a maio de 2014. Dois instrumentos foram utilizados, diário de campo e aplicação de questionários semiestruturados. Foram aplicados no total 300 questionários em diferentes dias, horários e localização espacial no parque. Os resultados do trabalho demonstraram, entre outros dados, uma escolarização acima da média nacional, predominância de usuários adultos com idade entre 36 e 55 anos e gênero feminino. A atividade predominante é a caminhada, e o objeto de contemplação favorito é o lago. Referente a um possível cercamento 76% dos entrevistados não são a favor, frente a 8,3% a favor do cercamento, os que são contrários ao cercamento argumentam principalmente com base na questão de o parque ser um local público, devendo manter o amplo e irrestrito acesso, favoráveis argumentam questões relacionadas a sentimento de segurança, repressão de vandalismo e assaltos.

Palavras-chave


Parque Moinhos de Vento; Áreas Verdes; Usuários

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Capa · Sobre · Pesquisa · Atual · Anteriores

ScientiaTec: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia do IFRS

Rua Cel. Vicente, 281 | Bairro Centro | CEP 90.030-041 | Porto Alegre/RS

E-mail: revista.scientiatec@poa.ifrs.edu.br 

 

Apoio: Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (PROPPI) do IFRS.