Avaliação do impacto ambiental da pressão sonora entorno da Praça dos Açorianos, Porto Alegre/RS

Diulia Barcelos Rumpel, Danilo Franchini

Resumo


A cidade de Porto Alegre tem muitas áreas verdes de lazer, que servem também para a minimização do ruído, apontado como responsável pela diminuição da qualidade de vida da população, devido ao grande estresse que a mesma sofre com os ruídos provenientes de obras e dos transportes. O presente trabalho propõe avaliar o impacto ambiental causado pelo ruído no entorno da Praça dos Açorianos. Foram realizadas medições em cinco pontos, totalizando 30 medições por ponto. Foi construído um banco de dados em planilha eletrônica Excel e as análises estatísticas foram realizadas com o auxílio dos softwares Excel SPSS (Statistical Package for Social Sciences) versão 15.0 para Windows. Considerando o Nível Critério de Avaliação (NCA) para ambientes externos, em dB(A), foi obtida uma média de 68,13 dB(A) no local estudado, ultrapassando os 60 dB(A) estabelecidos pela NBR 10151 para áreas mistas.


Palavras-chave


Ruído; Praça dos Açorianos; Poluição Ambiental; Saúde

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Capa · Sobre · Pesquisa · Atual · Anteriores

ScientiaTec: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia do IFRS

Rua Cel. Vicente, 281 | Bairro Centro | CEP 90.030-041 | Porto Alegre/RS

E-mail: revista.scientiatec@poa.ifrs.edu.br 

 

Apoio: Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (PROPPI) do IFRS.