Glossário de fraseologismos on-line: um recurso para a aprendizagem de língua espanhola no Ensino Médio/Técnico

Kleber Eckert

Resumo


Resumo: O objetivo deste artigo é a apresentação dos primeiros resultados de um estudo desenvolvido a partir de fraseologismos da língua espanhola, com ênfase nas expressões idiomáticas e nos provérbios. Trata-se de um glossário fraseológico on-line organizado especialmente para ser utilizado nas aulas de língua espanhola no Ensino Médio/Técnico do IFRS campus Bento Gonçalves. O texto originou-se de um projeto de pesquisa desenvolvido no IFRS campus Bento Gonçalves, o qual teve, entre os seus objetivos, identificar, listar e analisar expressões idiomáticas e provérbios em espanhol, numa perspectiva contrastiva com o português. Para atingir os objetivos propostos, inicialmente houve um estudo teórico-conceitual sobre as expressões idiomáticas e os provérbios, além de uma reflexão sobre as implicações pedagógicas desse conteúdo nas aulas de língua espanhola. Após, foram criadas categorias semântico-lexicais em que os fraseologismos foram classificados e analisados. Ainda a partir das categorias propostas, elaboraram-se fichas fraseológicas que passaram a compor o glossário fraseológico on-line, cujos exemplos são apresentados neste artigo. Finalmente, apesar de já haver muitas pesquisas no âmbito da fraseologia, percebeu-se que há carência de materiais didáticos para que os fraseologismos possam ser explorados nas aulas de língua espanhola, já que eles pertencem ao universo cultural de uma comunidade linguística, no caso, os falantes de espanhol.

 


Palavras-chave


Fraseologismos. Ensino Médio/Técnico. Língua Espanhola.

Texto completo:

PDF

Referências


BAPTISTA, L. M. T. R.. Fraseologia: discurso, interculturalidade e tradução. In: Fraseologia e Cia: entabulando diálogos reflexivos. SILVA, S. (org.). Londrina: UEL, 2012.

BRANGAÇA JR, A. A. Os provérbios na Idade Média latina – por um jogo especular histórico-social. In: Fraseologia e Cia: entabulando diálogos reflexivos. SILVA, S. (org.). Londrina: UEL, 2012.

CONDE, M. L. C et al. Proverbios españoles. 2 ed. Madrid: SGEL, 1999

FERNÁNDEZ, G. E. et al. Expresiones idiomáticas: valores y usos. São Paulo: Ática, 2004.

FROSI, V. M. Provérbios italianos: pérolas na educação informal dos ítalo-brasileiros. Caxias do Sul: Educs, 2015.

MONTEIRO-PLANTIN, R. S. Produtividade fraseológica: do cognitivo ao cultural. In: Fraseologia e Cia: entabulando diálogos reflexivos. SILVA, S. (org.). Londrina: UEL, 2012.

PEDRAM, R. Seis mil refranes. Edición del autor, 2017.

RIVA, H. C. A neologia fraseológica na língua portuguesa do Brasil. In: Fraseologia e Cia: entabulando diálogos reflexivos. SILVA, S. (org.). Londrina: UEL, 2012.

SABINO, M. A. O campo árido dos fraseologismos. In: Signótica, Goiânia, v. 23, n. 2, p. 385-401, jul./dez./2011.

SOLÍS MIRANDA, J. A. El libro de todos los refranes. La Coruña: El Arca de Papel, 2009.

VRANIC, G. Hablar por los codos: frases para un español cotidiano. Madrid: Edelsa, 2003.

XATARA, C. M.; OLIVEIRA, W. L. Novo PIP – Dicionário de provérbios, idiotismos e palavrões em uso francês-português/português/francês. 2 ed. reest. São Paulo: Cultura, 2008.

XATARA, C. M. A tradução para o português das expressões idiomáticas em francês. Tese (Doutorado em Letras, Linguística e Língua Portuguesa) – Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista, Araraquara, 1998.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexadores

  

 

LínguaTec, Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul, Brasil