Venga a cantar: língua e cultura por meio da música

  • Vanessa Lopes Pereira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Restinga
  • Denise Mallmann Vallerius Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Restinga
  • Abner dos Santos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Restinga
  • Wagner Farias Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Restinga
Palavras-chave: Língua Estrangeira, Música, Aprendizagem, Cultura

Resumo

O projeto Venga a cantar vincula-se ao Núcleo de Ensino de Línguas Estrangeiras Modernas (NELEM) do IFRS-Campus Restinga e procura empregar a música como ferramenta no aprendizado da língua espanhola, uma vez que existem razões cognitivas, afetivas e linguísticas que justificam a sua utilização no aprendizado de uma língua estrangeira. Busca o desenvolvimento de estratégias de aprendizado que suscitem prazer, motivação e interesse em aprender. O grupo de alunos que integram o projeto reúne-se duas vezes na semana para ensaiar músicas de língua espanhola, formando uma banda itinerante que, ao apresentar-se, também leva à população, de forma descontraída, informações sobre língua e cultura de países que a falam. Durante as apresentações, o público recebe material impresso com a letra das músicas a serem apresentadas e sua tradução para o português. Assim, além de os integrantes do grupo internalizarem aspectos fonéticos, estruturas sintáticas e vocabulário por meio da música, os expectadores das apresentações também têm a oportunidade de fazê-lo por meio do material fornecido e do acompanhamento da apresentação. Apesar de ser um projeto incipiente (iniciado em maio de 2014), percebe-se seu impacto positivo junto à comunidade em que se insere o campus, uma vez que faz dos alunos participantes protagonistas de sua própria aprendizagem, procura dinamizar aulas de espanhol em escolas da rede pública situadas no entorno do campus, bem como incentivar o estudo da língua espanhola por meio de apresentações realizadas em associações comunitárias do bairro Restinga. Além de apresentações em eventos promovidos pelo Campus, a banda também faz visitações e apresentações periódicas a escolas públicas e grupos comunitários do bairro Restinga, aplicando-se, em seguida, um pequeno teste escrito capaz de averiguar o quanto o ato de poder cantar juntamente com a banda e de a música ter sido utilizada para se trabalhar vocabulário, estruturas sintáticas e aspectos culturais foi positivo para o aprendizado.  Aplica-se, também, um breve questionário indagando os participantes quanto às suas impressões em relação à atividade, buscando-se aferir o grau de afetividade e de interação obtidos. As respostas aos testes revelam resultados bastante satisfatórios em relação ao que os alunos foram capazes de assimilar acerca da língua espanhola por ocasião da atividade musical desenvolvida. No entanto, o que mais chama a atenção são as respostas dadas a perguntas de caráter mais subjetivo, em que se pretende perceber como os participantes se sentiram ao desenvolver a atividade. Quase a totalidade dos envolvidos expressa ter se sentido muito à vontade, em um ambiente descontraído, que não lembrava uma “aula”, e desejosos de se apropriarem daquele conhecimento, corroborando, assim, os princípios teóricos norteadores do projeto.
Publicado
2015-11-30