Historia de Velhos: valorização de histórias e memórias de um grupo de idosos da cidade de Farroupilha-RS

  • Andrei Marcelo da Rosa Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Farroupilha
  • Letícia Agazzi Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Farroupilha
  • Daniela de Campos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Farroupilha
Palavras-chave: Idosos, Memória, Valorização

Resumo

O projeto “Histórias de velhos: valorização de histórias e memórias de um grupo de idosos da cidade de Farroupilha-RS”, coordenado pela Professora Daniela de Campos, em conjunto com os bolsistas Andrei da Rosa e Letícia Agazzi, pretende entrevistar idosos residentes da Casa de Repouso Recanto das Borboletas, com o objetivo de construir uma história local com base na memória desses indivíduos. Considera-se, a partir de relatos de outras experiências, que a possibilidade de narrar suas experiências pode ser um importante elemento de valorização desses idosos. O aumento da população idosa no Brasil, como ocorre no restante do mundo, não foi acompanhado pela sua valorização social, tampouco pela ideia de que esses sujeitos muito contribuíram para a sociedade e que têm muito a ensinar para gerações mais jovens. Dessa forma, o projeto possibilita o contato e a troca de experiências entre jovens estudantes de ensino médio e pessoas idosas, por meio das entrevistas que serão realizadas com os idosos, fomentando relações entre indivíduos pertencentes a diferentes grupos etários, não se restringindo ao contexto familiar. O projeto tem como objetivo principal ampliar pesquisas e ações institucionais sobre memória social, integração entre gerações e questões relacionadas aos idosos. Além disso, pretende possibilitar aos discentes do IFRS um espaço de troca de conhecimento e de atuação na sociedade, valorizar a experiência de vida dos idosos residentes na Casa de Repouso e estreitar as relações entre o Câmpus Farroupilha e a comunidade. Os relatos de vida coletados junto aos idosos selecionados, são uma ferramenta para a melhor compreensão das relações sociais da comunidade em que está inserido o Câmpus. Ao estimular a participação de jovens estudantes e de profissionais de diferentes áreas, contribui para a inserção da temática do envelhecimento nos conteúdos estudados nos cursos ofertados pelo Câmpus e também para uma melhora da qualidade de vida desses idosos, possibilitando um espaço para que estes narrem suas histórias de vida. As atividades relacionadas a esse projeto serão desenvolvidas de agosto a novembro de dois mil e quinze. Durante o período do projeto, serão realizadas reuniões com todos os membros envolvidos, a fim de compartilhar e analisar os relatos coletados. Por se tratar de um projeto em fase inicial, ainda não é possível apontar resultados definitivos sobre as ações desenvolvidas.
Publicado
2015-11-30
Seção
DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA