Jogos on-line x Jogos esportivos: estudo de caso

  • Eduardo Pereira Bebber
  • Matheus dos Santos Soares
  • Gustavo Alves Bett
  • Tiago Romio
  • Naara Canci Cunico
Palavras-chave: Esportes, Jogos online, Educação física

Resumo

Os adolescentes de hoje em dia, na maioria das vezes, não praticam esportes ou exercícios
físicos, pois estão sempre com seus celulares, tablets ou computadores. Eles preferem jogar
online ou até mesmo só ficar de bate-papo. São esses adolescentes que acabam indo mal
nas aulas de Educação Física e apresentando muitas vezes problemas de saúde, pois são
classificados como pessoas sedentárias. Em vista disso, o objetivo do trabalho é transformar
um jogo online em um jogo real, estimulando os adolescentes ao esporte e a prática de
exercícios. Para isso, será utilizado o jogo “Clash Royale”, que a partir de uma adaptação para
a prática, envolverá coordenação motora, treino de mira, reflexo e estratégia. O mesmo
poderia ser feito com outros jogos e outra faixa etária. O jogo é composto por duas equipes
de no mínimo 5 jogadores, 2 torres, 1 rei e os atacantes, podendo haver até 8 atacantes por
time. O atacante deve ir ao campo adversário e encostar em um cone (ou algum objeto
parecido) 3 vezes para desclassificar uma das torres. As torres terão bolas que servirão para
a defesa, se o atacante for acertado ele deve voltar ao seu campo e esperar a próxima rodada.
O primeiro time a derrubar as 3 torres vence. Para avaliar a eficácia dessa estratégia, será
realizado questionários antes e depois da projeto para alunos da Escola Municipal de Ensino
Fundamental Bento Gonçalves da Silva. Entre os tópicos avaliados estão: quanto tempo cada
aluno permanece no celular e se pratica algum esporte, e o motivo caso a resposta for
negativa. Com isso será possível ver se haverá um aumento do interesse dos alunos e
compreender melhor o motivo pelo qual os adolescentes estão desinteressando-se pela
prática esportiva.
Publicado
2018-05-18
Edição
Seção
Ciências da Saúde - Fundamental